11.7.07

Hoje, comecei assim: no rosmaninho estava um passarinho morto. Pelas penas, era pintassilgo e deve ter sido caída dos primeiros voos.

Veio à memória aquilo de Catulo “passer mortuus est meae puellae”. Mas não, que aqui as bicadas dos pássaros querem-se na fruta das árvores e nas amoras…

Plantei o corpito ao lado do diospireiro; aquele que não chegou a ser músico é alimento da árvore trigo dos deuses.

E os diospiros que estão a tomar corpo devem trazer alguma música. Lá para os primeiros frios.

18 comentários:

Meg disse...

Lá para os primeiros frios... é destas expressões que tenho saudade, caro Zef!
Um abraço

TsiWari disse...

Que belíssima ideia... adubo de pintassilgo gerará, certamente, uma sinfonia de diospiros !

;)

Aires Montenegro disse...

Esse teu gesto foi ele já musical. A música que venha depois, se quiser vir...

Lis disse...

Breve vida. Lembra a sorte que temos a cada dia da nossa. Na cidade não temos essa terra, onde plantar quase músicos...Vemos uma pomba morta e não paramos...
O Jacinto tinha razão e meu pai também (e que ele não me leia).

Abraço, Lis

paulocosta disse...

Trazem! Pã sopra os galhos e as folhas... é uma questão de ´ouvido`!

Amélia disse...

Já estou a ouvir por antecipação a música desses diospiros...Beijo

J.G. disse...

ZEF: Líndíssimas estas suas palavras e a sua acção. Nem outra coisa poderia esperar de quem escreve com tanta poesia na alma.

P.s.- quero pedir-lhe desculpa da minha falta de assiduidade aqui na oz da romãzeira. é que têm sido muitas as casas a visitar e tenho 4 "filhos" para alimentar, lembra-se?
Mas hoje, antes de partir para férias, não podia deixar de cá vir deixar-lhe um abraço.

zef disse...

Também me agradam, Meg: não definem momentos precisos e dão mais graça à espera.
Abraços

zef disse...

E não sabes, TsiWari, de simbioses assim?

zef disse...

E que eu, nós, queiramos e saibamos ouvi-la, amigo Aires!

zef disse...

Um abraço, Lis.
"Plantar quase músicos" e ouvir as músicas-louvores de Jacinto nas encostas de Tormes...

zef disse...

Paulo, flauta da matéria em que a linda Sirinix se fez encontra sempre o "ouvido" certo...

zef disse...

Sim, Amélia? Então, os diospiros já são mais que trigo dos deuses.
Beijos

zef disse...

Jorge, obrigado pelo que diz. Conheço-lhe as casas...embora não me tenha feito ver...
Boas férias (e espalhe aos ventos todos "ditos jocosos"...)
Abraços

rendadebilros disse...

E naquela cor estridente cantará um pintassilgo um dia de frio...
Bom fim de semana.

Anónimo disse...

Começar assim requer toda a ternura e atenção...escutaremos os diospiros na devida altura.
Beijo Zef
ana assunção

zef disse...

Olá, Ana, depois direi...
Beijos

zef disse...

Viva, Renda, esperei uma tarde de sol bonito: é agora: boa semana(de trabalho?).